Escola de Musica Improviso

Professores de Violoncelo

 Catarina Távora

CatarinaTavora

Catarina Távora nasceu em Lisboa, em 1989.
Em 2018 concluiu o Mestrado em Ensino da Música, com especialização em Metodologia
Kodály, no Konijklijk Conservatorium em Den Haag, na Holanda. Como parte dos seus
estudos neste mestrado ( minor ), estudou violoncelo barroco com Caroline Kang e canto
com Irene Verburg.
Em 2016 graduou-se no Conservatorium van Amsterdam, na Holanda, onde concluiu a sua
segunda licenciatura em violoncelo, na classe dos professores Monique Bartels e Gideon
den Herder.
Colaborou com as Orquestras Metropolitana de Lisboa e Sinfónica Portuguesa, entre
outras, e colabora regularmente com a orquestras Gulbenkian, Mannheimer
Philharmoniker, Junge Tonkünstler Orchester e Orquestra XXI.
Tem trabalhado em orquestra sob a direcção de maestros como Emilio Pomàrico, Susanna
Mälkki, Ainars Rubiķis, Jean-Sebastien Béreau, Dirk Vermeulen, Pedro Neves, Joana
Carneiro, Frèderic Chaslin, Paul Mccreesh e Martin André, entre outros.
Ao longo do seu percurso académico frequentou diversos cursos de aperfeiçoamento de
violoncelo com Dmitry Ferschtmann, William Conway, Erkki Lahesmaa, Kyril Zlotnikov,
Xavier Gagnepain, Paulo Gaio Lima, Irene Lima, Levon Mouradien e de música de câmara
com Diemut Poppen, Frank van de Laar, Álvaro Lopes Ferreira e Pavel Gomziakov.
Catarina é ainda membro original do Ensemble MPMP, formado com o intuito de divulgar
Música Portuguesa, com o qual continua a colaborar activamente; do Anglo-Portuguese
Ensemble, um ensemble sediado em Londres constituido por jovens músicos portugueses e
ingleses; e ainda membro fundador do Trash Panda Collective, um ensemble internacional
sediado em Amsterdão, que visa a performance (com particular interesse na
interdisciplinaridade artística) de música contemporânea.

 


Voltar à Página Inicial

Save

Save

Save

Save

Save

Save

Save

 
Escola de Música Improviso  : Home Professores Violoncelo